Search
Close this search box.

Professor Zecca Paim toma Posse na Federação de Ciências, Letras e Artes

Paim tomou posse como Membro Acadêmico Imortal Internacional e recebe O Título de Doutor Honoris Causa em Educação - pelo Centro Sarmathiano de Altos Estudos Filosóficos e Históricos -CSAEFH.
Publicidade

O Professor, Escritor e Jornalista Zecca Paim, ocupará uma cadeira na “Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências, Letras e Artes – FEBACLA” como Membro Acadêmico Imortal Internacional Conforme EDITAL DE POSSE ACADÊMICA Nº 0301.005/2023, com base no Artigo 12º do Capítulo IV do Estatuto Social e recebe o título de Doutor Honoris Causa pelo Centro Sarmathiano de Altos Estudos Filosóficos e Históricos -CSAEFH. O Título de Doutor Honoris Causa É o título mais importante concedido pelo Centro Sarmathiano de Altos Estudos Filosóficos e Históricos, aprovado em sessão do Conselho da Instituição, Pode ser atribuído a personalidade eminente, nacional ou estrangeira, que tenha se destacado singularmente por sua contribuição à cultura, à educação ou à Humanidade.

“Quero compartilhar com meus amigos, familiares e leitores a grande alegria e honra que experimento ao ser admitido Membro Acadêmico Imortal Internacional da FEBACLA – Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências Letras e Artes. Cadeira n 241, Patrono: Newton Braga na qualidade de Acadêmico Internacional é vitalícia (Perpétua) com todos os direitos, honras e obrigações previstas no regimento geral. A cerimônia em que tomarei posse na Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências, Letras e Artes-FEBACLA será realizada no dia 29 de abril de 2023, às 16h, conforme EDITAL DE POSSE ACADÊMICA Nº 0301.005/2023. A FEBACLA. A Solenidade será Transmitida Ao Vivo pelo aplicativo google Meet, pela TV CHANNEL – ETWORK e pela YOUTUBE”.
Porque Newton Braga?

Publicidade

Newton Braga, nasceu em Cachoeiro de Itapemirim- ES, em 11 de agosto de 1911 e faleceu no Rio de Janeiro em 1 de junho de 1962, foi um jornalista, advogado e poeta brasileiro, assim como o Professor e Jornalista Zecca Paim, também Capixaba, natural de Ponto Belo-ES, que sempre que pode escolher seu Patrono, presta Homenagem ao Conterrâneo Capixaba Newton Braga.
Newton nasce em 1911 na fazenda do Frade, que era administrada por seu pai, no município de Cachoeiro de Itapemirim, cidade sul – capixaba. Seus pais foram Francisco de Carvalho Braga (primeiro prefeito de Cachoeiro de Itapemirim) e d. Rachel Coelho Braga. Fez seus primeiros estudos na cidade natal e completou-os no colégio Pio Americano, na cidade do Rio de Janeiro, tendo como colega Carlos Lacerda.

Em 1929 transfere-se para Belo Horizonte para tratamento de saúde e lá inicia o curso de Direito, formando-se no final do ano de 1931, tendo como colega de curso, Ciro dos Anjos e Tancredo Neves. Paralelamente aos estudos começa a trabalhar nos jornais mineiros dos Diários Associados e escreve seus primeiros poemas com fortes tendências ao modernismo. Assim como o irmão Rubem Braga, Newton faz pequenas contribuições ao jornal da família, fundado em 1928, o Correio do Sul.
Em 1932, em virtude da ausência do pai (falecido em dezembro de 1930) e já formado como bacharel em Direito, retorna para Cachoeiro para cuidar do cartório da família e também advogar. Como advogado exerce a profissão por pouquíssimo tempo, pois neste mesmo ano assumiu como redator chefe do Correio do Sul. Sob seu comando o jornal ganhou identidade local sendo ele o responsável por movimentos cívicos como a criação do ”Dia da Cachoeiro” em 1939.

FEBACLA – Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências Letras e Artes.

Tem Registro de Pessoas Jurídicas nº 17485 do Livro A-36 no Cartório do 8º Ofício de Nova Iguaçu/RJ, tendo como Patrono da Academia: Dom Pedro II. Pode ser acadêmico da FEBACLA – Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências Letras e Artes escritores, artistas de relevo ou pessoa de notória cultura, ligada a movimentos culturais de comprovada relevância. Também poderá ser Acadêmico Efetivo quem houver produzido trabalhos de valor literário, científico, cultural e/ou de pesquisa e/ou tiver prestado inestimáveis serviços à comunidade no exercício de cargos ou funções públicas e/ou privadas. A qualidade de Acadêmico Internacional é vitalícia (Perpétua).

Título DOUTOR HONORIS CAUSA EM EDUCAÇÃO.

Além da Posse em Cadeira Patronímica, com Título de Acadêmico Efetivo na categoria: ACADÊMICO INTERNACIONAL, na Nobre Instituição, o Professor, Escritor e Jornalista Zecca Paim recebeu também com grande honra, orgulho e satisfação, a notícia do Centro Sarmathiano de Altos Estudos Filosóficos e Históricos, que após lançado Edital, e conforme o disposto no Artigo 47 do Capítulo VIII, do Estatuto Social, conferiu-lhe em 17 de fevereiro de 2023, o “Título de Doutor Honoris Causa em Educação”, por se destacar como especialista e Profissional na Área da Educação, por ter superado todas as prescrições Acadêmicas determinadas pela Instituição. Pode ser agraciado com o Título DOUTOR HONORIS CAUSA EM EDUCAÇÃO, os profissionais da ÁREA DE EDUCAÇÃO: professores, diretores de escola, coordenadores pedagógicos, orientadores educacionais e produtores de materiais didáticos. Os currículos são avaliados pelo Conselho Histórico e Cultural da instituição, dependendo a concessão da honraria e prévia aprovação.

O Centro Sarmathiano de Altos Estudos Filosóficos e Históricos tem como finalidade principal incentivar o estudo de Ciências Históricas, Ciências Jurídicas, Letras, Artes, Educação, Filosofia, especialmente aos temas ligados à história dos povos medievais. Doutor Honoris Causa é uma locução latina (em português: “por causa de honra”) usada em títulos honoríficos concedidos por universidades e instituições de ensino e pesquisas, a personalidades, que se destacam pela atuação em defesa das artes, da ciência, das letras e do melhor entendimento entre os povos.

O Professor Zecca Paim, recebeu ainda da FEBACLA – Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências Letras e Artes:
• “Título, Destaque Cultural Febacliano 2022”- pelos relevantes serviços prestados, às Ciências, Letras e Artes por força de sua decisiva atuação em defesa da Cultura Literária brasileira;
• “Título Honorífico de Grande Honra” – Como defensor Perpétuo do Patrimônio Histórico e Cultural Brasileiro, em reconhecimento por sua atuação Cultural e Intelectual, no engrandecimento e na Promoção da Cultura Nacional;
• A “Medalha Patrono das Letras e das Ciências” – (Criada pelo Decreto Acadêmico nº 0830.007/2018) Homenagem ao Imperador D. Pedro II, concedida como forma de agradecimento e reconhecimento por suas atividades Profissionais, sociais e culturais. A Medalha D. Pedro II é destinada a condecorar personalidades civis e militares, brasileiros e estrangeiros, credores de reconhecimento por suas atividades profissionais, sociais e culturais, aqueles que, por suas qualidades ou valor em relação às instituições culturais, forem julgados merecedores dessa honraria. A Medalha é uma homenagem ao Imperador Dom Pedro II. “Nasci para consagrar-me às letras e às ciências “, o imperador comentou em seu diário pessoal em 1862. Ele sempre teve prazer em ler e encontrou nos livros um refúgio para a sua posição. Sua habilidade para relembrar trechos que havia lido no passado era notável.
• A “Medalha do Mérito Acadêmico” – Em Reconhecimento de seu primoroso trabalho em prol da Cultura Brasileira.

A FEBACLA- FEDERAÇÃO BRASILEIRA DOS ACADÊMICOS DAS CIÊNCIAS ARTES E LETRAS, tem agraciado pessoas que se destacam no tocante ao desenvolvimento das ciências, letras e artes em todo o Mundo, Seu Presidente, o Excelentíssimo Sr . Príncipe Dom Alexandre Camêlo Rurikovich Carvalho tem feito um trabalho magnífico e diferenciado. “Estou profundamente honrado com tamanho reconhecimento. Agradeço o incentivo da escritora e Delegada Cultural da FEBACLA a Confreira Verônica Moreira e Dom Alexandre da Silva Camêlo Rurikovich Carvalho – Ph.I Presidente da FEBACLA e Diretor do Centro Sarmathiano de Altos Estudos Filosóficos e Históricos. pela minha admissão na honrosa instituição, pela confiança e acolhimento” Disse Paim.

Outras Academias

O Professor, Jornalista e Escritor, além da Academia de Letras Guimarães Rosa -ALEGRO, onde ocupa a Cadeira 101, tendo como Patrono o Capixaba Newton Braga, também é Comendador Grão Colar e Membro Remido da Câmara Brasileira de Cultura e Academia de Ciências e Artes, detentor da Comenda “A Cruz do Mérito da Comunicação- Grau Comendador Grão Colar. E ainda a Comenda da Cruz do Mérito da Educação e Acadêmico Fundador da ‘Academia Brasileira Rotária de Letras- Rondônia” com sede em Porto Velho, e recentemente recebeu o Convite para a Academia de Letras Rotárias de Santarém no Estado do Pará, também tomará posse em maio na ALSPA – Academia de Letras de São Pedro da Aldeia do Rio de Janeiro e o último Convite chegou recentemente para o Professor, que também assumirá uma Cadeira na Academia Brasileira de Ciências, Artes, história e Literatura /ABRASCI, como Acadêmico Imortal na Cadeira Nº 72, que já pertenceu a figuras exponenciais do mundo político, histórico, literário, científico e artístico brasileiro, cujo Patrono é Moacy Cirne. uma Academia que está em atividade desde 1910, de quando datam seus primeiros registros.

“Gratidão a Deus, aos meus pais e aos colegas de Profissão Agradeço aos amigos, a confraria e aos meus familiares, pelo carinho que tem ao torcerem por mim, e a todos aqueles que um dia não desistiram de mim. Receber todos esses títulos é uma grande responsabilidade, que Deus me faça uma figura sempre melhor para honrar os títulos que me foram consagrados.
A Deus Toda Honra e Glória! Avante!!!”

Anúncie no JH Notícias