Sábado, 16 de Novembro de 2019

Notícias de Polícia

ATAQUES CRIMINOSOS – Trio se entrega na delegacia e confessa autoria de incêndio a ônibus em Porto Velho

Postado em 15/10/2019 às 13h29min • Atualizado 14h57min


ATAQUES CRIMINOSOS – Trio se entrega na delegacia e confessa autoria de incêndio a ônibus em Porto Velho

Vitor Farias de Oliveira, Wiliam Gabriel Soares Amorim e Carlos Gabriel de Oliveira, suspeitos de incendiar um ônibus urbano na noite da última quarta-feira (8) após a Vila do DNIT em Porto Velho, se entregaram durante esta manhã na Delegacia de Patrimônio e confessaram o crime.

Segundo consta no inquérito policial, os criminosos, fortemente armados obrigaram motorista, cobrador e passageiros a descerem do ônibus na BR-319, próximo a cabeceira da ponte do Rio Madeira. Em seguida atearam fogo e antes de fugir, deixaram uma carta para que o motorista entregasse à Polícia.

Os bandidos entraram no coletivo na parada da Avenida Imigrantes, próximo à Avenida Farquhar e quando estavam chegando na cabeceira da ponte, sacaram de escopeta e pistolas e ordenaram que ele parasse o veículo e que todos descessem. Depois colocaram fogo no veículo e na fuga, deixaram a carta de uma facção criminosa que saiu do presídio Milton Soares de Carvalho, o “470”.

O trio de criminosos disse ainda que as armas de grosso calibre utilizadas durante a ação, foram jogadas no Rio Madeira. “Estamos agora investigando para saber se realmente eles cometeram o crime a mando de organização criminosa”, disse o delegado José Marcos.

Após incendiarem o ônibus eles divulgaram vídeos em redes sociais. A Polícia os identificou e pediu as prisões preventivas, deferidas pelo Poder Judiciário. Após serem presos eles não confirmaram se atuaram a mando de facção criminosa.

Por JH Notícias