Siga nossas redes sociais

Quarta-feira, 26/01/2022

JH Notícias

Sphera Engenharia - Empresa de Construção e Reformas em Porto Velho - Rondônia

Polícia

Mulher sente dores abdominais e, sem saber que estava grávida, da à luz a bebê prematuro em Rondônia

Ela procurou uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) achando que estava com algum problema de saúde. Bebê é uma menina e nasceu com cerca de 26 semanas.

WhatsApp
Banner publicitário da Prefeitura de Porto Velho - IPTU 2022

Uma mulher de 30 anos procurou uma unidade de saúde em Rondônia reclamando de fortes dores na barriga e descobriu duas coisas: que estava grávida e as dores sinalizavam o trabalho de parto. O caso aconteceu em Vilhena (RO), a 706 quilômetros de Porto Velho, no fim da última semana.

Quando as dores começaram, a mulher foi atendida em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Segundo a direção da UPA, ela acreditava estar com algum problema de saúde e não sabia que estava grávida.

“O que aconteceu foi que ela já chegou lá em trabalho de parto”, explicou o diretor da UPA, em entrevista ao g1.

A médica que atendeu a mulher pediu que ela fosse encaminhada ao Hospital Regional de Vilhena, mas a bolsa estourou antes que ela embarcasse. O bebê é uma menina e nasceu prematuro, com cerca de 26 semanas.

Devido aos cuidados necessários, a bebê foi encaminhada a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Ouro Preto do Oeste (RO), localizada a mais de 300 km de distância da sua cidade natal. A mãe, que foi pega de surpresa, recebeu alta no dia seguinte ao parto.

O jornal tenta contato com a família para saber o estado de saúde da criança.

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por G1/RO

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade Banner publicitário da Prefeitura de Porto Velho - IPTU 2022
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais em Polícia

Compartilhe esta notícia: