Siga nossas redes sociais

Quinta-feira, 11/08/2022

JH Notícias

GOV RO - QUEIMADAS 2022 - JUNHO - IN JH NOTÍCIAS

Polícia

PC prende membro de facção acusado de matar cabeleireiro na zona leste

Os policiais ainda apuraram que a vítima não tinha nenhuma ligação com facções criminosas e pode ter sido confundido

WhatsApp

Na manhã desta quarta-feira (09), policiais civis da delegacia de crimes contra a vida através de mandado de prisão preventiva conseguiram prender pablo Diego F M 18 anos conhecido do mundo do crime como coringa que pertence é uma facção criminosa denominada Comando Vermelho o qual foi responsável por matar o cabeleireiro João A T de 39 anos, no dia 17 de dezembro do ano passado em uma residência localizada na avenida Pinheiro Machado no bairro Teixeira, setor leste de Porto Velho.

Os policiais civis através das de investigações descobriram que o suspeito que era membro do Primeiro comando do Panda (PCP), teria rasgado a camisa e entrando no Comando vermelho (CV), e para poder ingressar na facção teria que matar alguém da facção rival. No entanto no dia do crime, a vítima foi até o local para cortar o cabelo de um cliente e acabou sendo surpreendido por coringa que de posse de uma arma atirou várias vezes contra a vítima que acabou sendo morto no local.

Os policiais ainda apuraram que a vítima não tinha nenhuma ligação com facções criminosas e pode ter sido confundido com algum morador da casa. O suspeito Coringa alguns meses atrás foi preso após tentar matar a facadas um sócio educador e desde então ele ficará à disposição da justiça, onde quando menor teve várias passagens pela polícias e agora depois de ter ficado maior de idade já responde por uma tentativa e agora por um homicídio.

Governo de Rondônia - Covid - Influenza
Governo de Rondônia - Covid - Influenza

Curtiu? Siga o JH NOTÍCIAS no Facebook, Instagram e no Twitter.

Entre no nosso Grupo do WhatsApp e receba as últimas notícias de Rondônia.

Por HORA1RONDONIA

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais em Polícia