Search
Close this search box.
Publicidade

Professor da Unir é morto a marteladas pelo próprio filho

Uma equipe do Samu foi acionada e o médico apenas pôde constatar o óbito da vítima.
Publicidade

O crime brutal cometido contra Ângelo de Oliveira, 51 anos, ocorreu na madrugada deste sábado (16), na Rua Heitor Vila Lobos, Bairro 4 de Janeiro, zona leste de Porto Velho. Ângelo atuava como professor de Ciências da Computação na Universidade Federal de Rondônia (Unir).

Informações obtidas através de Boletim de Ocorrência Policial (BOP), são de que a vítima estava dormindo, quando seu filho, um adolescente de 17 anos, entrou no quarto e, armado com um martelo, desferiu diversos golpes na cabeça de Ângelo. A vítima não teve tempo de reagir e sofreu gravíssimos ferimentos, inclusive com perca de massa encefálica.

Publicidade

A esposa da vítima informou que estava em processo de separação com o marido devido constantes brigas entre o casal. Ao retornarem de uma chácara, na noite de sexta (15), houve nova discussão entre Ângelo e a esposa. O adolescente, filho do casal, esperou que o pai dormisse foi até o quarto, onde cometeu o crime. Uma equipe do Samu foi acionada e o médico apenas pôde constatar o óbito da vítima.

Conforme informações da esposa, pai e filho tomavam remédios controlados. O adolescente foi apreendido ainda na residência, sendo encaminhado à central de flagrantes.

 

Combate Clean Anúncie no JH Notícias