Search
Close this search box.

ELEIÇÕES 2024 – Divergências naufragam ainda mais MDB na capital

De um lado Confúcio, de outro Mosquini
Publicidade

Um dos poucos partidos dentro do estado de Rondônia que ainda segue “amarrado” ao seu regimento e com presença efetiva de seus decanos, o MDB segue polarização por divergências ideológicas e de projetos entre suas lideranças.

Nesta última quinta-feira (24) o MDB realizou um encontro com todas as suas lideranças na cidade de Ji-Paraná. A realização desse evento no interior do Estado já é uma indicativa que grande base do MDB rondoniense vem do Vale do Jamari e região central de Rondônia.

Publicidade

A divisão do MDB em Rondônia atualmente se dá por dois grupos de correligionários, de um lado o senador Confúcio Moura, com seu efusivo discurso em defesa à Constituição, combate às desigualdades e cumprimentos de acordos nacionais da legenda, de outro lado, o deputado Lúcio Mosquini, um bolsonarista que busca levar o partido a defender as pautas da oposição.

Enquanto isso em Porto Velho, a legenda repleta de figuras históricas a atuais da política rondoniense não consegue apresentar um nome forte para a disputa da prefeitura. As últimas tentativas naufragaram por falta do fortalecimento do MDB na base portovelhense, faltou pernas à legenda na reta final.

A questão é que uma legenda com tamanha representatividade no Estado não pode continuar sem mostrar mostra à que veio em Porto Velho, ou corre o risco de acabar se esfacelando por debates internos, um exemplo é o PT rondoniense, que desceu ladeira abaixo por desentendimentos de bastidores.

Gigante pela própria natureza, o MDB recebe uma quantia considerável de dinheiro proveniente do funda partidário para encabeçar uma disputa eleitoral firme na capital, resta o nome para apresentar.

Anúncie no JH Notícias