Search
Close this search box.

Nos pênaltis, Porto Velho ganha bicampeonato contra o Real Ariquemes

Gols na partida foram marcados por Bacas, para a locomotiva, e Wembley, contra para o Real. Nos pênaltis, Raí perde primeira cobrança e Bacas define o título na disputa
Publicidade

RESUMÃO
Em casa, Porto Velho fatura bicampeonato nos pênaltis diante do Real Ariquemes. No gramado, a partida terminou em 1 a 1.

Bacas abriu o placar ainda na primeira etapa e no início do segundo tempo, Juninho cobrou falta na área, Wembley desviou contra o próprio gol.

Publicidade

A partida foi para os pênaltis. E, nas cobranças, Raí perdeu a primeira cobrança para a equipe do Real. Sorbara, Keko, Panda, Bala e Bacas. Na última, o camisa 55 bateu rasteiro. A bola passou por baixo de Evandrízio e deu o título a locomotiva.

PRIMEIRO TEMPO
Na primeira etapa, o Porto Velho aproveitou chute de Bacas e saiu em vantagem. A equipe da capital rondoniense buscou trabalhar as jogadas com ênfase para o lado esquerdo com a presença de Emerson Bacas.

No Real Ariquemes, a definição das jogadas ficou para o lado esquerdo com as subidas de Barão. Efetivamente, o time rubronegro conseguiu chute apenas com Edson Amorim de fora da área.

Antes do gol marcado, Panda cobrou escanteio. Wembley cabeceou. Bola retorna, Klayton arriscau no ângulo e Evandrízio cortou.

Na sequência, o gol. Emerson Bacas recebe jogada fora da área. Virou o corpo. Bate forte mas contou com colaboração de Evandrízio que não conseguiu por força suficiente na mão para afastar.

SEGUNDO TEMPO
Logo no início da etapa complementar, o Real Ariquemes entrou em campo pressionando o Porto Velho. Em uma falta no primeiro minuto da etapa complementar, Juninho cobrou direto para o gol e desvio de Wembley tirou chance de defesa de Wellington para empatar o placar.

O duelo se manteve pegado pelo meio com muitas faltas e poucas oportunidades de gol, o que levou o duelo para as penalidades

PÊNALTIS
O Porto Velho iria para as penalidades sem ter vencido nenhuma partida contra o Real Ariquemes na competição. Na primeira fase, duas vitórias do furacão do vale do Jamari e dois empates nas finais. Porém, isso não foi suficiente para o visitante levar o título para casa.

Sorbara, Keko, Panda, Bala e Bacas marcaram para a equipe do Porto Velho. Enquanto logo na primeira cobrança, Raí cobrou para fora. Batista, Diego Rosa e Alisson ainda marcaram, mas não foi suficiente.

A CAMPANHA
O PortoVelho chega ao segundo título de Campeonato Rondoniense masculino da própria história. O time defendia o título de 2020.

Na campanha, a equipe terminou a primeira fase o time teve 10 pontos, contra 18 dos rivais da final, que estiveram no mesmo grupo. Foram três vitórias, um empate e duas derrotas. Nas semis, uma vitória e uma derrota nos pênaltis para o União Cacoalense.

Judicialmente, o Porto Velho chegou a final. O União Cacoalense colocou em campo jogador irregular. Fabinho havia entrado na primeira partida das semis com punição a cumprir. O União perdeu em todas as instâncias da justiça desportiva.

E AGORA?
Em 2021, o Real Ariquemes encerra seu calendário. Já o Porto Velho encara fora de casa, o Nova Mutum, domingo (18) às 16h (horário de Brasília), no estádio Valdir Doilho Wons.

Anúncie no JH Notícias