Notícias de Justiça

Agente penitenciário que tentou matar médico do Cemetron é condenado a 5 anos de prisão

Postado em 15/08/2019 às 08h08min


Agente penitenciário que tentou matar médico do Cemetron é condenado a 5 anos de prisão

O agente penitenciário Oziel Araújo Fernandes foi condenado na noite desta quarta-feira, pelo Tribunal do Júri em Porto Velho e sentenciado a 5 anos de prisão, regime inicial semiaberto por ter tentado matar o médico Gladson Siqueira, em frente ao Cemetron, no dia 6 de março desse ano. Os jurados consideraram que ele estava sob violenta emoção, uma vez que o médico e a esposa do agente tiveram um relacionamento íntimo.

O médico teve complicações na visão, devido ao ataque e disse nesta quarta que não sabia que a mulher era casada. A defesa do agente o desmentiu com mensagens entre o casal.

O agente, no dia do crime, jogou soda cáustica no rosto do médico.

Por JH Notícias