Search
Close this search box.

Polícia Militar age rápido e evita tragédia em tentativa de suicídio, em RO

Ao chegarem ao local, os policiais encontraram a vítima pendurada e ainda apresentando sinais de vida, com tremores visíveis
Publicidade

Na manhã desta quarta-feira, uma guarnição policial composta pelo Cabo PM Jerferson e Cabo PM Hoepers respondeu prontamente a uma determinação urgente da central de operações em Ji-Paraná. A equipe foi direcionada rapidamente para a saída da cidade, em direção ao aeroporto, após receber informações preliminares sobre a presença de um homem pendurado em uma corda, amarrada a uma placa próxima ao frigorífico local.

Ao chegarem ao local, os policiais encontraram a vítima pendurada e ainda apresentando sinais de vida, com tremores visíveis. Sem perder tempo, a equipe cortou a corda e prestou socorro imediato, transportando a vítima para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde ele recebeu cuidados médicos.

Publicidade

Durante o transporte na viatura, a guarnição observou que a vítima estava extremamente debilitada. Para melhorar a respiração, um dos policiais segurou o pescoço da vítima, proporcionando suporte até a chegada à UPA. Ao chegar, o médico plantonista constatou que a vítima ainda tinha sinais vitais, embora estivesse inconsciente. Foi necessária a intubação para preservar as vias aéreas, e exames subsequentes foram planejados para o período de plantão.

Em contato com o pai da vítima, foi revelado que o homem sofria de problemas psicológicos e estava em tratamento no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS). Ele tomava medicamentos controlados, incluindo Rivotril, e também era diabético, utilizando insulina regularmente.

Diante dos fatos, a guarnição registrou a ocorrência como uma tentativa de suicídio na Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP).

A ação rápida e eficiente dos policiais Cabo PM Jerferson e Cabo PM Hoepers foi crucial para salvar a vida do homem, destacando a importância da prontidão e do treinamento adequado das forças de segurança em situações de emergência.

Anúncie no JH Notícias