Siga

Mais em Política

Política

Maurão de Carvalho trata da transposição e de questões ambientais em Brasília

“O aeroporto já recebe o ELO – Equipamento de Ligação Operacional, projetado para fazer a interligação ao nível do solo entre salas de embarque e desembarque e as aeronaves. Nosso pedido ao ministro é de que as melhorias sigam acontecendo e que a capital possa ter, de fato um aeroporto internacional”, completou.

              

O presidente da Assembleia Legislativa cumpriu nesta sexta-feira (13) uma série de compromissos em Brasília, acompanhado do governador Daniel Pereira (PSB), do senador Valdir Raupp (MDB) e da deputada federal Marinha Raupp (MDB), onde tratou de questões como a transposição dos servidores, questões ambientais e também sobre a continuidade das melhorias do aeroporto de Porto Velho.

A agenda de trabalho se iniciou com um encontro com o ministro de Meio Ambiente, Edson Duarte. Lá, Maurão e os representantes de Rondônia, com a presença do líder da bancada, Lindomar Garçom (PRB), trataram de um projeto de parceria ambiental entre a União, Estado e Municípios.

No encontro, o presidente da Assembleia cobrou compensações para quem possui áreas de preservação, como forma de estimular a conservação do meio ambiente. “Áreas intactas, de propriedade privada, deveriam ser estimuladas através do pagamento de algum benefício”, defendeu o deputado.

Também foi abordada a questão da regularização ambiental de áreas que hoje estão ocupadas, produzindo, mas que precisam ser inseridas em zonas produtivas. “Esse trabalho, acredito, pode ser contemplado com um zoneamento estabelecido levando em conta a situação atual de muitas regiões, que são reservas no papel, mas já estão ocupadas”, ponderou Maurão.

Ministério do Planejamento

À tarde, a comitiva rondoniense se reuniu com o ministro do Planejamento, Esteves Colnago, em reunião agendada pelo senador Raupp e a deputada Marinha.

“A agilidade na transposição precisa ocorrer, para que se faça justiça com Rondônia e com quem dedicou a sua vida para o serviço público. Quanto mais servidores transpostos aos quadros da União, menos a folha de pagamento custa ao Estado”, disse o governador.

O senador disse que a média é de 250 servidores transpostos ao mês e que o ministro acenou com a possibilidade de, até o mês de outubro próximo, chegar a um total de 1.500 servidores transpostos.

“É uma redução nos gastos com pessoal por parte do Governo, mesmo de forma gradativa, que vai permitindo ao Estado fazer os ajustes necessários e ir tendo, mês, uma margem de economia com a folha”, acrescentou Raupp.

A deputada Marinha pediu ao ministro para que as obras de melhorias e expansão do aeroporto de Porto Velho, sejam continuadas. A parlamentar assegurou junto à Infraero a implantação de um moderno sistema de embarque e desembarque de passageiros.

“O aeroporto já recebe o ELO – Equipamento de Ligação Operacional, projetado para fazer a interligação ao nível do solo entre salas de embarque e desembarque e as aeronaves. Nosso pedido ao ministro é de que as melhorias sigam acontecendo e que a capital possa ter, de fato um aeroporto internacional”, completou.

Fonte: Assessoria

              

Publicidade

ASSFAPOM - Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia

Publicidade

SINPEF-RO - Sindicato dos Policiais Federais do Estado de Rondônia

Publicidade

Sinsepol - Sindicato dos Servidores da Polícia Civil de Rondônia.

Publicidade

Associação Beneficente Zequinha Araújo

Publicidade

Samremo Pizzaria

Publicidade

Gurjão Santiago Kikuchi Advogados Associados

Mil Contabilidade

Publicidade

3D Store - O estilo que você precisa!

Advertisement