Search
Close this search box.

Ex-Flamengo, Willian Arão diz que colegas estão soterrados na Turquia

Ao menos 2.834 prédios ficaram destruídos e buscas por vítimas soterradas continuam.
Publicidade

Volante do Fenerbahçe, Willian Arão disse ter companheiros de clubes soterrados na Turquia. O ex-jogador do Flamengo deu entrevista à “GloboNews”.

A Turquia foi atingida por um terremoto de 7,8 de magnitude. Até o momento, mais 1.900 mortes foram confirmadas no território turco e na Síria.

Publicidade

Ao menos 2.834 prédios ficaram destruídos e buscas por vítimas soterradas continuam.

Já na Síria são pelo menos 783 mortos, segundo a agência oficial Sana e socorristas em regiões rebeldes.

A maior parte dos mortos está nas cidades de Aleppo, Hama, Latakia e Tartus, muito atingidas pela guerra no país, que começou em 2011.

O Campeonato Turco anunciou o adiamento de jogos marcados para esta segunda-feira, incluindo partida entre Fenerbahce e Konyaspor.

O QUE MAIS DISSE WILLIAN ARÃO

“Os turcos e nós também estamos recebendo (a situação) de uma forma devastadora, porque é uma tragédia sem precedentes. Eles são muito patriotas. Estão todos mobilizados para tentar ajudar para tentar prestar serviço de alguma forma”, declarou o jogador do Fenerbahçe.

“Os próprios jogadores que têm amigos, alguns trabalhadores do nosso time, os funcionários, todos eles têm amigos de algumas partes desses lugares. Então, você vê a apreensão neles e sente a dor deles, porque pode acontecer com qualquer um. É muito triste. Você vê crianças, você vê gente de todas as idades, e como eu disse, tem ainda a questão do frio também que em algumas partes estão com -2, -3, sensação de -5°C”, comentou Willian Arão.

“Eu não senti, a gente não sentiu o tremor aqui em Istambul. Depois de saber, tranquilizei a família, perguntei como a minha família aqui em Istambul estava, porque como a gente tinha jogo eu estava concentrado”, relatou o atleta.

Anúncie no JH Notícias