Search
Close this search box.

PLANO DE FUGA – Marcola é transferido após suspeita de resgate em Rondônia

Marcola estava em solo rondoniense desde o ano passado
Publicidade

Nesta última quarta-feira (25), o ministro da Justiça Flávio Dino (PC do B), confirmou a transferência de Willians Herbas Camacho, da penitenciária federal de Porto Velho (RO) para uma unidade prisional em Brasília (DF).

Popularmente conhecido como “Marcola”, o narcotraficante é considerado de alta periculosidade sendo um dos fundadores e líderes do Primeiro Comando da Capital – PCC, facção criminosa que surgiu em São Paulo e atualmente possui ramificações em todo o Brasil.

Publicidade

A transferência teria sido realizada por conta da suspeita de que um plano de fuga havia sido elaborado para retirar “Marcola” da penitenciária da capital rondoniense.

“A transferência foi feita de um presídio federal para outro, exatamente visando prevenir um suposto plano de fuga ou resgate desse preso. Portanto, essa operação se fez necessária para garantir a segurança da sociedade”, afirmou Dino em uma entrevista.

Com mais de 300 anos de pena para cumprir, Marcola estava em solo rondoniense desde o ano passado.

Anúncie no JH Notícias