Search
Close this search box.

“FORAM ASSISTIDOS” – Coronel Chrisóstomo nega tragédia humanitária em terra Yanomami

Publicidade

O deputado federal pelo estado de Rondônia, Coronel Chrisóstomo (PL), publicou em suas redes sociais que o povo Yanomami sempre foi assistido pelas autoridades, de acordo com o parlamentar, ele próprio foi várias vezes à reserva indígena e constatou que a comunidade que vive no local sempre foi assistida.

“Os Yanomamis são apoiados pelas Forças Armadas em toda a Amazônia Brasileira. Eu já estive lá por mais de uma vez dentro da localidade dos indígenas e vi com meus olhos que os indígenas são assistidos”, afirmou Coronel Chrisóstomo.

Publicidade

Porém, a realidade que vem sendo constatada por autoridades públicas que foram em comitiva até a reserva Yanomami no estado de Roraima, constatou uma situação bem diferente da exposta pelo deputado Chrisóstomo.

Mortes por malária, pneumonia, desnutrição, contaminação por mercúrio, foram algumas das mazelas que segundo as autoridades foram causadas pelo descaso do Governo Federal dentro da reserva indígena Yanomami.

O drama dessa população que já é considerada como uma das maiores tragédias humanitárias da nossa história contemporânea pode resultar em responsabilização criminal aos representantes do antigo governo Jair Bolsonaro.

Mas, ao que tudo indica, o deputado Chrisóstomo, que tem como base ideológica o apoio cego ao antigo Governo Federal, seguirá negando uma realidade constatada e que atualmente vem sendo combatida por uma ação conjunta entre Governo e Forças Armadas.

Anúncie no JH Notícias